• Home
  • Home
  • Home
  • Home
  • Home
  • Home

Câmara e Igreja convocam população a se empenhar na Campanha da Fraternidade 2017

Assessoria de Comunicação
Imprimir

A Câmara Municipal de João Monlevade realizou na noite dessa terça-feira, 14, audiência pública sobre a Campanha da Fraternidade 2017. Este ano, o tema é “Fraternidade: Biomas Brasileiros e Defesa da Vida”, cujo lema é “Cultivar e Guardar a Criação”. A audiência foi solicitada pelos vereadores Vanderlei Miranda (PR) e Leles Pontes (PRB).

Além dos autores, o evento contou ainda com a presença do presidente da Casa, Djalma Bastos (PSD), e dos vereadores Belmar Diniz, Gentil Bicalho (ambos do PT), Fábio da Prohetel (PP) e Thiago Titó (PDT); representantes de entidades e pastorais; alunos do curso de Direito da Funcec/Doctum; do presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Piracicaba, Flamínio Guerra; e da secretária municipal de Meio Ambiente, Fernanda Ávila. Também marcaram presença o padre Carlos Jorge Teixeira e o vigário da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, padre Marco José de Almeida, que discursou sobre o tema da campanha.

Na abertura da audiência, Padre Marco José fez uma breve explanação de como surgiu a Campanha da Fraternidade. Segundo ele, desde a sua criação, há 54 anos, já foram abordados diversos temas de cunho social e ambiental. “A Campanha da Fraternidade é realizada nos moldes das Conferências Latino-americanas que tem o objetivo de levar o cidadão a ver, julgar e agir de acordo com aquilo que lhe foi proposto. Como agir não sabendo ver e julgar? Aquilo que não se trabalha não permanece vivo. Quantos projetos importantes poderiam ter surgido a partir das campanhas da Fraternidade realizadas até aqui?”, questionou o padre.

De acordo com padre Marco, a Campanha da Fraternidade deve levar o cristão a uma reflexão profunda proporcionando a ele um conhecimento pessoal daquilo que a campanha propõe. “Quando temos preconceito de algo ou alguém, caminhamos para nos distanciar de nossos objetivos. E não é isso que buscamos com a campanha. Queremos unir forças em prol de um objetivo maior que é lutar pela defesa da vida em todas as esferas”, destacou.

Padre Marco José disse, ainda, que uma das preocupações mais atuais da população mundial é com a escassez de água potável. “Essa é uma realidade bem próxima de nós. Por isso, gostaríamos que somássemos força em favor da água. Para isso, a Paróquia terá como prioridade, a partir da Campanha da Fraternidade, descobrir e revitalizar as nascentes existentes no município. Queremos chamar o poder público, privado, empresas e entidades para que estejam conosco nessa caminhada”, afirmou.

Dessa forma, o primeiro ato em prol da revitalização das nascentes será realizada no próximo domingo, 19, com uma caminhada contemplativa no bairro Cidade Nova. A concentração será às 9h30, em frente à Capela de São Bento. Também será celebrada missa no local.

Para o presidente da Casa, Djalma Bastos, o tema levantado pela Campanha da Fraternidade este ano deve ser trabalhado de forma contínua. “Precisamos unir forças para defendermos e protegermos o meio ambiente, pois dependemos dele para sobreviver. A Câmara tem projetos voltados ao meio ambiente e vamos continuar trabalhando em prol disso. Nos colocamos à disposição daqueles que quiserem se juntar a nós nessa causa”, concluiu.

Última atualização em Sex, 17 de Março de 2017 09:33

Mídias

Receba Notícias

Cadastre-se e receba os informativos da Câmara.



Você esta aqui:   HomeA Câmara +ImprensaDestaquesCâmara e Igreja convocam população a se empenhar na Campanha da Fraternidade 2017
| + - | RTL - LTR